20/08/2017

A Vida permanece

Não importa se agora 
Você me amassa com seus pés.
Porque virá com certeza
O dia em que a Justiça Divina
Caminhará sobre você,
Pisará seu corpo
E julgará seu espírito.

A verdadeira felicidade está na extinção de todas as emoções. A apreensão está onde está a emoção. Onde há emoção, há sofrimento.

O homem é o criador de seu próprio destino e mesmo em sua vida fetal é afetado também pela dinâmica da sua existência anterior. Seja confinado ao reduto de uma montanha, adormecido na profundeza do mar, seguro nos braços de sua mãe ou erguido acima de sua cabeça, o homem não pode fugir aos efeitos de suas próprias ações anteriores.

Esse corpo humano guarda um ego que nada é senão, efetivamente, um artifício. São as obras do ego numa existência anterior que determina a natureza de seu organismo na vida seguinte, assim como o caráter das enfermidades quer físicas, quer mentais, que recairão sobre seus ombros. 

O homem colhe no tempo devido, seja na infância, seja na juventude ou velhice, o que semeou  em seu nascimento anterior.

Por que apegar-se ao corpo se ele é como a espuma do mar que se movimenta na superfície da água? Quando o vento sopra ela desaparece como se nunca tivesse existido. Assim é como o corpo físico e seus apegos quando a vida escapa dele. A vida é real, por isso ela continua a viver apesar da morte do corpo. A vida é ligada à eternidade, enquanto o corpo é ligado ao mundo ilusório. A vida jamais teve começo no ventre, como muitos afirmam, nem termina na sepultura. Quem termina na sepultura é a morte, e não a vida.

Os olhos dos homens do mundo manifestado não se fartam de ver, nem os ouvidos de ouvir.
O que foi visto será visto outra vez; o que foi feito será feito outra vez, pois nada de novo há para dizer, nada há de novo no mundo da dualidade, nada há que se possa fazer no mundo dual. Já é assim há muito tempo. Já era assim antes de nós. E continuará sendo dessa maneira até que o homem quebre a ilusão da dualidade.




Fonte: livro - O Círculo de Luz
                       Sri Maha Krishna Swami




12/08/2017

"... Ai daqueles que escrevem as Leis Supremas e transgridem-nas, que vivem na vaidade, na luxúria, que se corrompem fazendo o mal, que não têm a visão reta, o bom discernimento, pois são rebeldes e mentirosos.

Ai daqueles que constroem casas sobre casas até que não haja nenhum lugar onde o homem possa ficar só no meio desta Terra.

Ai daqueles que não mantêm as leis sagradas, que atraem o mal e não fazem o bem, que deixam de lado os que precisam de ajuda espirituais.

Ai daqueles que se julgam poderosos, pois a Lei Suprema virá e ajuntará todos eles como prisioneiros e os levará embora, pois estão cheios de podridão e sujeira. Aqueles que se autolouvam e levantam monumentos a si mesmos serão levados para baixo. Aqueles que são vaidosos serão humilhados.

Ai daqueles que matam os rios e semeiam desarmonia no céu e na terra, onde os peixes se deterioram e os pássaros explodem em sangue e pólvora. 

Ai daqueles que desfiguram a paisagem, semeadores de desertos, inconscientes perigosos, destruidores de ninhos, torturadores de plantas.

Ai daqueles que destroem tudo o que vive, que vomitam fumaça negra e arrebatam aos seres da Terra o direito ao ar puro, à água cristalina e ao silêncio... "



Fonte: livro - O consolador
                        Sri Maha Krishna Swami

30/07/2017

 "... Minha grande virtude é a neutralidade. A minha paz é a paz suprema. Sou bom para aqueles que são bons. Para os que não são bons, sou eternamente bondoso e de amor sem fim; para os que se acreditam meus inimigos, sou tolerante e peço tudo de bom para eles. Com os inconscientes da Verdade Suprema sou compassivo, tolerante e conduzo-os para a conscientização do Divino Ser... "






Fonte: livro - O Consolador
                       Sri Maha Krishna Swami

09/07/2017

MEDITAÇÃO

A senda da meditação
Não é difícil.
Pela prática constante 
A mente torna-se submissa, 
Tranquila
E finalmente 
Dissolve-se no Ser Supremo.

É preciso entregar-se 
A essa disciplina
 Com invariável firmeza
E não deixar passar 
Um dia sequer sem ela.
É preciso sintonizar-se
Através da meditação
Com a Força Suprema.

Aquele que assim agir
Em pouco tempo 
Conquistará 
Interesse profundo
Pela meditação.
E crescerá nele
Um amor intenso
Pelo divino.



Fonte: livro - Maha Gita prurusham do Bem-aventurado
                        Sri Maha Krishna Swami

09/06/2017

As ações, boas e más, perseguem o homem que as pratica, como sombras. Sendo impossível escapar do resultado de suas obras, que o homem pratique, então, boas ações. Quem segue a Lei Suprema, tendo abandonado a paixão, o ódio, a insensatez e não se importando com coisa nenhum deste mundo, possui o verdadeiro saber e serenidade.





Fonte: livreto - Palavras de sabedoria
                         Sri Maha Krishna Swami

02/06/2017

DOGMA

Jamais permita
Que a simplicidade,
A sinceridade 
E a honestidade
Deteriorem-se.

Fique alerta
Para que essas virtudes
Não sejam profanadas,
Pois nenhuma delas
Está nas religiões do mundo.

Portanto, evitemos 
Os dogmas.
Não os evitar
Não é apenas 
Demonstrar fraqueza,
Mas também é
Dar abrigo
Aos usurpadores
Da Verdade. 



Fonte: livro - Maha Gita purusham do Bem-aventurado
                        Sri Maha Krishna Swami.

20/05/2017

Meditação Iniciática

O método indicado por Sri Ramana é a prática da meditação. Ela se constitui num treinamento para que sintamos profundamente e cada vez mais nossa verdadeira essência. Bhagavan Sri Ramana recomendava que meditássemos diariamente, sentindo o lado direito do peito, ao qual ele chamou o centro da caverna-coração, onde se reflete a eterna consciência do cosmo. O centro da caverna-coração é o lugar de onde surge toda a procura da Luz. A Luz da consciência flui dele para o cérebro e depois para o corpo inteiro.

PERGUNTA: Como você pode dizer que o coração fica à direita, quando os biólogos o localizam à esquerda? 

RAMANA: Eles têm razão. O coração físico é à esquerda. Mas o coração do qual falo não é o físico, e ele se localiza no lado direito do peito. Aqueles que são conscientes da verdade de ser têm experiência direta desse fato e não precisam que ninguém lhes confirme. Não parei de repetir que o centro do coração é no lado direito, apesar das afirmações contrárias de pessoas eruditas que baseiam seus conceitos na fisiologia do ego denso. A estável e firme permanência na essência divina se chama estado natural de meditação, no qual a mente, corpo e sentidos estão completamente absorvidos. O universo inteiro está resumido no corpo, e o corpo todo, no centro da caverna-coração. Logo, o centro do coração é a súmula de todo o universo. O centro da caverna-coração, no microcosmo, é a esfera do Sol no macrocosmo, e a mente no cérebro é como o orbe da Lua. Inconsciente do centro da caverna-coração, o homem percebe apenas a mente, assim como ele vê a luz da Lua, à noite, quando o Sol está ausente. Não se apercebendo do próprio centro da caverna-coração, como a verdadeira fonte de luz, a pessoa ignorante das leis divinas vê os objetos com a mente, como sendo separada entre si, e é enganada. Quem permanece sempre identificado com o centro da caverna-coração vê a luz da mente submergida na luz desse centro justamente como a luz do Sol durante o dia. Os sábios explicam que a mente é o indicador do conhecimento e que o centro da caverna-coração é o próprio conhecimento indicado. O Supremo não é senão o centro da caverna-coração. O sentido de diferença entre o sujeito e o objeto está apenas na mente.



Fonte: livro - Ramana meu Mestre
                       Sri Maha Krishna Swami

30/04/2017

Deve-se desenvolver o verdadeiro amor no coração. Purifiquem seus corações para que a força do Bem-aventurado Ser habite nele. Não ocupem o coração com as impurezas do mundo, mas antes deixem um espaçoso lugar para a divina e majestosa auto-refulgência do Ser. O coração do homem está cheio de desejos veementes e a sua avareza aumenta a cada instante. Onde então há lugar para que o Ser repouse?




Fonte: livreto - Palavras de Sabedoria
                           Sri Maha Krishna Swami

14/04/2017

Felicidade: o estado natural de ser.

P. Como obter a felicidade?


R. A felicidade não é um estado a se atingir. O desejo de felicidade vem do sentimento de insatisfação. E isso pertence ao ego. Para se obter a felicidade, não é preciso conquistar algo novo, mas apenas livrar-se da ignorância, que faz crer na infelicidade. A vítima dessa ignorância é o ego. Ao destruir-se o ente ego é que a felicidade perfeita aparece naturalmente.

Muitas pessoas procuram a felicidade em novas aventuras, descobrindo novas regiões, encontrando objetos raros e curiosos. Tudo isso lhe desperta grande paixão. Mas onde elas podem encontrar a felicidade? Nelas mesmas e em nenhum outro lugar. Não é preciso procurar a felicidade fora do Ser.

Todos têm o desejo de ser felizes, protegidos de todo sofrimento. Procuram também se livrar de todas as doenças do corpo e, a seu próprio modo, conservar um grande amor, sem o qual creem 
não ser possível a felicidade. No sono profundo, ainda que tudo tenha desaparecido, cada um tem a experiência da felicidade. Entretanto, devido à ignorância de sua verdadeira natureza, os homens preferem agir de acordo com a crença errônea de que o caminho da felicidade consiste em obter prazeres terrestres e celestes. O prazer que termina em dor é ainda a infelicidade, e o homem sábio prefere evitá-lo. As modalidades do prazer são a busca do objeto do desejo não satisfeito e a alegria de possuir o que se deseja.





Fonte: livro - Ramana Meu Mestre.
                       Sri Maha Krishna Swami.
 

07/04/2017

OS PACIFICADORES

Bem-aventurado os pacificadores porque são um com o Cristo Universal. Os verdadeiros pacificadores não são aqueles que só falam de paz, mas nada faz para que ela exista. Nem são os mediadores entre as pessoas ou grupos em discórdia, mas sim aqueles que permanecem firmes nos seus propósitos espirituais e estabeleceram em si a harmonia e a paz suprema. Jamais alguém pode pacificar os outros se antes não pacificou a si mesmo. O ego profano é o pior inimigo do homem. Ele é o criador de todo o mal e desarmonia. O ego reside na limitação da própria mente pensante. Quem domina o ego profano pela força do Ser Supremo torna-se um pacificador. 







Fonte: livro -

SER
                       Sri Maha Krishna Swami

25/03/2017

Cada qual pagará por si mesmo 
Pela má obra que cometeu.
Praticando boas ações,
Cada qual purificará a si mesmo.
Jamais faça pouco caso do mal, dizendo:
"Ele não recairá sobre mim".
Lembre sempre que a água,
Embora caindo gota a gota,
Acaba preenchendo recipientes enormes.
O mal, mesmo praticado pouco a pouco, 
Acaba por encher o psiquismo
E o espírito de quem o pratica.

Hoje, em parte alguma,
Quer nos ares,
Quer no meio dos oceanos,
Ou nas profundezas das montanhas,
Existe lugar em que alguém ou algo
Esteja em segurança.
Isso ocorre em consequência 
De seus próprios atos.
Todo aquele que fala 
Ou age com impureza,
A esse o sofrimento o acompanha
Por ciclos intermináveis.
E todo aquele que age 
Com pureza de coração
E é justo entre os injustos,
A esse a felicidade o acompanha
Para sempre.





Fonte: livro- O Homem de Aquário
                      Sri Maha Krishna Swami.
        

25/02/2017

A Verdade Suprema

Toda vez que a ordem morre e a desordem impera, ela torna a nascer e manifesta-se em tempo oportuno para proteger o bem e destruir todo o mal. Manifesta-se no meio da humanidade, ensinando o caminho direto da conscientização do divino. Aqueles que sentem a sua força divina e o porquê de sua manifestação entre os seres não têm necessidade de nascer para a
 parente morte, porque a vida é eterna e presente e existe antes, durante e depois de os homens nascerem e morrerem.



Fonte: livro Ser.
Sri Maha Krishna Swami

04/02/2017

"... Plante uma árvore, irmão.
E peça a seu irmão que plante outra, 
E a namorada dele, outra ainda.

Plante uma árvore irmã.
E peça a seu esposo que plante outra,
E mais outra pelos prazeres que você lhe dá.
A cada um de seus filhos,
Peça-lhes que também plantem árvores
Pelas construções de seus nascimentos.

Plante uma árvore amigo.
E peça aos amigos dos amigos 
Que, para cada moça que já olharam,
Que plantem eles também uma árvore.
Peça ainda aos inimigos,
E a cada homem e a cada mulher,
Que plantem uma árvore
Por todas as maldades que praticaram,
E mais outra, pelas boas obras que conseguiram.

Depois, reúnam-se todos
E convoquem quantas pessoas poderem,
Quantas pessoas quiserem
E saiam pelo mundo
Cobrando da humanidade
As vidas que ela roubou do universo..."





Fonte: livro - O Círculo de Luz
                       Sri Maha Krishna Swami

28/01/2017

"...Hoje observei toda a opressão que corre sob o Sol dos justos. Vi as lágrimas e o desespero dos oprimidos, dos que têm sede de justiça. Mas eles tinham o Cristo que os confortava. O poder da Terra estava ao lado dos opressores, e eles não tinham ninguém que os confortasse. E falei então aos justos que os opressores eram os mortos que tinham nascido para morrer. Disse-lhes também que felizes são aqueles que nascem para viver eternamente..."



 Fonte: livro- O Consolador
                      Sri Maha Krishna Swami

07/01/2017

O AMOR DO BEM-AVENTURADO

Amo quele que 
É constantemente puro,
Compassivo, manso de coração
E firme
Nos seus propósitos espirituais. 

Amo aquele que
Não tem apegos mundanos,
Não teme o mundo,
É livre de timidez,
De turbulência, ódio,
Impaciência, medo
E jamais se apega à tristeza
Nem à alegria excessiva.

 Amo aquele que
Não tem preconceitos,
É justo e imparcial,
Verdadeiro,
Livre de toda ânsia,
E jamais se descontrola.

Amo aquele que
Não se apaixona nem odeia,
Não deseja nem cobiça,
E desapega-se das ações,
Tanto boas como más.

Amo aquele que
Igualmente considera 
O amigo e o inimigo,
Os homens honrados
E os desprezados,
E com igual ânimo suporta
O calor e o frio,
O prazer e a dor,
A nada se apegando.

Amo aquele que
Não murmura
Contra o destino,
Não se importa
Se o mundo o louva
Ou o censura.
Em todo lugar está
Em plena felicidade
E consciente 
Da Verdade Suprema.



Fonte: livro- Maha Gita purusham do Bem-aventurado
                    Sri Maha Krishna Swami