31/01/2009

O CRISTO DO AMOR DIVINO

A todo instante
Nasce Jesus no coração de cada ser,
No lado direito do peito.

Ele é a Luz,
A Consciência Absoluta que vem à tona.
Ele é a verdadeira vida,
A Força Suprema que se reflete
Em todos os seres do universo.

Ele é o Supremo Ser,
Que com sua força infinita
Vem iluminar o mundo
Nesta época de inconsciência espiritual,
Para que todos recobrem a consciência do divino,
Para que todos possam integrar-se
Na vida do Cristo de todos os tempos,
Na luz infinita da Verdade Suprema,
Na força absoluta do Ser,
Na força de todos os Mestres.

Ele é o Cristo dos oprimidos,
Dos que têm fome e sede de justiça,
Dos que sofrem perseguições,
Dos esgotados pelos ciclos de sofrimentos.
O Cristo dos mansos de coração,
O Cristo dos sábios e dos ignorantes,
O Cristo dos consciente e dos inconscientes.

Ele é o Cristo das esperanças,
O Cristo dos simples,
Dos justos,
Dos compassivos,
Dos limpos de coração.
O Cristo dos pacificadores,
O Cristo da justiça divina.

Ele é o Cristo da crianças,
Da felicidade perfeita,
Do amor divino,
Dos Maha Devas.
O Cristo que nasce na estrebaria,
O Cristo da humilde carpintaria,
O Cristo de José e Maria.

Ele é o Cristo das semeaduras e das colheitas,
O Cristo do Reino Supremo,
Do caminho direto,
Da intuição pura.
O Cristo da meditação iniciática,
Da devoção que enternece,
Do pão que nutre e sacia.

Ele é o Cristo dos que resplandecem como o Sol,
O Cristo dos apóstolos,
Das bem-aventuranças.
O Cristo dos pescadores,
Do mar profundo,
O Cristo das ovelhas
E dos pastores.

Ele é o Cristo de João Batista,
De São Francisco.
O Cristo vivo de Simão Pedro,
O Cristo da Comunidade Perfeita.
O Cristo Cósmico,
Dos Maha Yogues,
O Cristo da Luz, do Caminho, da Verdade Suprema.


Sri Maha Krishna Swami.
Livro: SER.

30/01/2009

O CAMINHO DOS MESTRES

Do Ser Supremo tudo provém.
Da mesma força emanou o universo cósmico
E os seres que nele habitam.
Como se pode então
Classificar bem e mal?

Não se iluda com a falsa imagem
Criada pelos olhos físicos.
A essência é a única,
Embora as formas sejam muitas.
Não cabe a nós julgar as formas,
Mas sim reconhecer nelas a essência.

Do Ser Supremo tudo provém.
O que quer que aconteça
Acontece por sua vontade.
Aquele que diz
"Bem-aventurado o que vem
Em nome do Ser Supremo"
Vive em comunhão com a harmonia
E conhece paz e prosperidade.


Sri Maha Krishna Swami
O círculo de Luz.

29/01/2009

AMOR, A ENERGIA CÓSMICA

Em suave vôo a abelha
Procura a flor
E dela retira o nécta
E produz o mel.

A flor, em doce fragrância,
Doa o nécta
E recebe o pólen
Que a fecunda
E gera novas sementes.

O mel é o alimento
Que nutre e gera
Novas colméias.

A semente germina
E faz crescer
Imensos jardins floridos.

Seja como a abelha,
Que naturalmente trabalha
E a todos ajuda.

Seja como a flor,
Que naturalmente doa
E a todos inspira,
Para que possa florir
Imenso jardim
E nele viver em infinitas colméias,
A glória de ser.



Sri Maha Krishna Swami
O Círculo de Luz

28/01/2009

ONDE BRILHA A LUZ

Só há um Ser Divino

Que nos manifestou a todos

E que habita

No lado direito do peito de cada um,

Dentro da caverna-coração,

Onde devemos senti-lo

E conscientiza-lo.



Odiar os outros

É odiar o Ser,

Isto é, a si mesmo.

Se uma nação despreza a outra,

Se uma religião está

Sedenta pelo sangue da outra,

Então nessa nação e nessa religião

O amor jamais esteve presente.



Os que amam o Ser Supremo

Doam seu amor constantemente

À criação.

Se odiamos as criaturas

Também odiamos o Ser.



Todos os seres manifestados,

Pequenos ou maiores,

São o Ser Divino.

Ele é o senhor de todos e de tudo.

A quem então poderia eu

Denunciar ou condenar,

Se não há mais

Do que Ele no universo?



O único e verdadeiro Ser

Nos manifestou a todos.

Logo, ele habita

Em cada um de nós.

Poderíamos chamar a esse Ser,

Com o qual somos Um,

De malvado, asqueroso,

Ou de qualquer outro adjetivo?



A Luz Divina foi a primeira

Que nasceu do vazio.

Dessa Luz o Ser Supremo manifestou

Todas as formas de vida.

Sim, a origem de tudo é a mesma.

Quem, então, é superior a quem?

O Ser é a verdadeira Luz

Que sustenta a todas as formas

E seres manifestados.



A Luz em seu esplendor

É a testemunha inegável

De que todos somos o Ser.

Devemos buscar esta Verdade

Em nós mesmos.

Buscá-la em outra parte

Resultaria num fracasso total.



O Ser Supremo não tem credo,

Nem religião, nem país.

Não tem casta nem cor.

Não possui forma ou espaço

E de sua vontade

Surge toda a criação.



Se o Sol não tem casta nem credo,

Como podem tê-los seus raios?

Se o oceano não tem casta nem credo,

Como podem tê-los suas ondas?

Se os Grandes Mestres não possuem credo,

Nem religião, nem país,

Por que eu adotaria tais divisões

Se sou Um com o Ser Supremo?



O Ser Supremo manifestou os homens

E não criou seitas nem credos.

O homem é o responsável

Por essa abominável idéia

De dividir-se em pequenos círculos

De castas, religiões e países,

E dessa maneira semeia a luta,

A discórdia e a separação.



Quando a morte tocar o ombro,

Ninguém terá interesse em perguntar

A que classe social pertence.

Nem o corpo poderá responder,

Pois ele será jogado ao fogo ou enterrado.

E junto com ele irão

Todas as castas e credos.



No Ser Supremo

Não há ninguém para conferir

A que ordem social

Ou religião se pertence.

Deve-se apenas meditar

E devocionar o Som Divino de Hari

Até conscientizar a Verdade Suprema.



Toda carne é a mesma,

Seja ela de um homem

Ou de um animal.

O sangue tem sempre a mesma cor,

Seja ele do homem ou do animal.



O Ser Supremo manifestou o universo

Repleto de diferentes formas.

Porém a essência é a mesma.

Como então se pode matar

Ou maltratar qualquer foma de vida?



Quando olhar as formas da manifestção,

Enxergue-as como seu semelhante,

Reconheça a força que lhe dá vida

E sim o pulsar da criação.



Sri Maha Krishna Swami
O Círculo de Luz.

27/01/2009

CHEGA DE DUALIDADE

Raras são as pessoas
Que não conhecem
O belo como belo,
E dessa forma,
Determinam o que é feio.

Por que não renunciam logo
Ao feio e ao belo?
Só assim poderão encontrar
A Essência Divina em tudo.

Todos, ou quase todos,
Reconhecem o bem
Como sendo o bem,
Dessa forma, então,
Aprendem o que é o mal.

Renunciem ao bem e ao mal
E ajam naturalmente.
Pois assim agindo
Não serão tocados
Nem por um, nem por outro.

E quanto
Ao longe e ao perto,
Ao alto e ao baixo,
Ao antes e ao depois,
Unem-se um ao outro
Transformando-se em força.

Sejam como a luz
Que jamais é contaminada.
Assim, do "ser ou não ser"
Permanece o SER.

Aquele que
Se conscientizou da verdade
Executa o dever supremo
Sem apegar-se
Aos frutos de seu agir.

E transmite
Os sagrados ensinamentos
De maneira simples
E sem mistérios
A todos os seres
Que se movimentam
No céu e na terra.
E jamais lhes nega ajuda.

Aquele que se tornou
A própria Verdade
Produz constantemente
Sem apropriar-se de nada.
Realiza a sua tarefa,
Não solicita gratidão
E suas obras e exemplos
Permanecem eternamente.

Conhecer a Verdade
É o real conhecimento.
Servir a todos com a Verdade
É a real ação.
E realizá-la com desapego
É a real devoção.


SMKS-75*21c
Maha Gita purushan do Bem-aventurado.

IMATÉRIA

Para conscientizar-se
Do divino
É necessário
Ter vontade
De ser vento,
Imatéria sublimada
Sobre o campo dourado
Da renúncia,
Improvisando,
Além das veias
E vísceras,
As asas de um
Maha Deva Solar.


SMKS-75*35c
Maha Gita-purushado Bem-aventurado.

26/01/2009

PAZ

A paz surgiu
Do Ser,
Suavemente,
Afastando sombras
E inconsciências.

Com sua luz
Abril
As mãos
E os corações.

E por ser a paz,
Fechou,
Num só punhado,
As trevas
Que os homens
Cultivaram.

A paz surgiu
Do Ser,
Suavemente.


SMKS-37*23a
Maha Gita-purushan do Bem-aventurado.

25/01/2009

ONDE TUDO COMEÇA

Bem-aventurado
É aquele
Que encontrou
O início
E o fim.

O fim
Que começa
Onde termina
O princípio.

O princípio
Que finda
No começo
Da Verdade.

A Verdade
Que termina
No Ser,
Onde tudo
Começa.


SMKS-37*17a
Maha Gita purusham do Bem-aventurado.

24/01/2009

PRÓXIMOS DA LUZ

A inconsciência
E ignorância espiritual
No planeta Terra
São assustadoras.
Homens
Que se acreditam fortes
Torturam
Os que se acreditam fracos.

Ante tais circunstâncias
O dever de cada um
É transceder
Todo este mal
Através
Da meditação iniciática
E da devoção
Ao Divino Ser.

Quem assim agir,
Conhecerá
A justiça divina.

Logo chegará o dia
Em que todos
Estarão unidos
Em suas atividades
E objetivos espirituais,
Bem organizados e corajosos.
Esse tão esperado dia
Não está distante.
O nascer da nova era
Já se faz sentir.
Estamos muito próximos
Da luz.

E os trigos,
As ovelhas e os bons
Poderão então praticar
Todo o bem que poderem,
De todos os modos
Que quiserem,
Em todo lugar
Que poderem,
Para todas as pessoas
Que quizerem
No máximo de tempo
Que puderem.


SMKS
Sri Maha Krishna Swami
Maha Gita.

O REAL E O IRREAL

Discernindo entre
O real e o irreal
O homem liberta-se
De todos os impedimentos
E entra na paz suprema.

Afrouxam-se-lhe para sempre
As cadeias
Da ignorância espiritual
E é anulado todo sentimento
De separatividade
Que se origina
Na obscuridade
E na inconsciência
Da Verdade Suprema.

Aquele que elimina
As atrações dos sentidos,
Do ego profano,
Da mente pensante,
Vive em plenitude
De discernimento
E está, de fato,
Liberto dos laços
E armadilhas do mundo.

SMKS-39*32e
Sri Maha Krishna Swami
Maha Gita.

23/01/2009

O BÁLSAMO

Quando os seres da Terra
Recobrarem
A consciência do divino,
Compreenderão
E sentirão
O poder que há
Na natureza universal
E também
Em si mesmos.

Nesse estado
Poderá o homem
Expressar a palavra
Do poder divino.
Ela será bálsamo
Para todas as feridas;
Cura
Para todas as doenças,
Tanto físicas
Como mentais
Ou espirituais.

SMKS-39*29e
Maha Gita -purusham do Bem-aventurado.